Superávit comercial sobe 161% e chega a US$ 2,43 bilhões na primeira semana de junho


O Brasil abriu o mês de junho com alta de 161,6% no superávit da balança comercial, que chegou a US$ 2,43 bilhões na primeira semana do mês. Falamos de um resultado impulsionado pelo aumento de 94,1% nas exportações, que atingiram US$ 4,85 bilhões, enquanto as importações subiram 54,5% e totalizaram US$ 2,42 bilhões.
Sendo assim, a corrente de comércio (soma das exportações e importações) alcançou US$ 7,27 bilhões, subindo 78,8% pela média diária, na comparação com junho de 2020.

O superávit é registrado quando as exportações superam as importações. Se ocorre o contrário, é registrado déficit comercial.

Com o aumento no início deste mês, o país ampliou o superávit acumulado do ano para US$ 29,55 bilhões até a primeira semana de junho – um crescimento de 55,3%, pela média diária, na comparação com o período de janeiro a junho de 2020.

Esse desfecho reflete os valores de US$ 113,49 bilhões em exportações, com aumento de 32%, e de US$ 83,94 bilhões nas importações, em alta de 25,4%. Os dados foram divulgados no dia 07 de junho de 2021, pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia.

Entre alguns fatores, os números estão relacionados a forte demanda mundial por produtos básicos, além da disparada do dólar no Brasil, que torna as vendas externas brasileiras mais rentáveis.

Acreditamos que é imprescindível trazer notícias relevantes, por isso nossa equipe está sempre atenta ao que acontece no Brasil e no mundo!

Fonte: investexportbrasil.gov.br
 
Notícia comentada por Adriana Bettamio TesserAdvogada. Formada em Direito em 2006 pela FMU/SP. OAB/SP nº 257.277

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *